Por que psicopata gosta de música clássica?

Hello, o post de hoje foi uma curiosidade pessoal e vou compartilhar com vocês. Eu gosto de ouvir música clássica para estudar, escrever aqui(estou ouvindo agora), me acalmar e me faz pensar, é como se abrisse a minha mente. Nada contra as músicas de letra, mas sempre tem aquelas que eu gosto, perco o foco e começo a cantar(kkk). Nisso me veio a mente os filmes com psicopatas que sempre estão ouvindo música clássica e fiquei bad! Tipo… será que tenho a tendência? (deuzulivre) kkkkk e fui pesquisar sobre isso. Se é algo criado para dar mais drama na história do filme ou se realmente é “sintoma”.

Antes de começar, segue abaixo alguns filmes conhecidos que tem psicopatas que escutam música clássica.

  • Hannibal Lecter de “Dragão Vermelho”, “O silêncio dos Inocentes” e “Hannibal”, gostava de Bach.
  • Alex de “Laranja Mecânica”, gostava de Beethoven
  • Lex Luthor em “Superman, o retorno” gosta de Bizet.

Faltam vários, mas achei esses 3 que são bem conhecidos. Tem o seriado Hannibal também que faz quase tudo ouvindo música, incluindo matar e cozinhar as pessoas. São músicas que tocam a alma(pelo menos a minha) de uma sonoridade incrível. Mas, são usadas em momentos deploráveis.

Vou começar caracterizando um pouco o Psicopata.

É um tema muito estudado em saúde mental, e acredito que no geral sempre tem alguém estudando por ser algo mais visto na mídia(filmes, seriados, documentários, livros) e também pelas características do comportamento, por ser alguém manipulador, agressivo  e estar inserido socialmente, podendo ser até um vizinho ou alguém mais próximo.

De um modo geral, os estudos indicam que a psicopatia se manifesta numa série de condutas que são resultado de factores biológicos e da personalidade, relacionados com uma série de antecedentes familiares e outros factores ambientais. (SOEIRO, 2010)

O psiquiatra Cleckley apresentou um perfil de psicopatia no livro “The Mask of Sanity” (1941/1976) indicando os traços mais significativos da perturbação:

(1) Encanto superficial e boa inteligência; (2) Inexistência de alucinações ou de outras manifestações de pensamento irracional; (3) Ausência de nervosismo ou de manifestações neuróticas; (4) Ser indigno de confiança; (5) Ser mentiroso e insincero; (6) Egocentrismo patológico e incapacidade para amar; (7) Pobreza geral nas principais relações afetivas; (8) Vida sexual impessoal, trivial e pouco integrada; (9) Ausência de sentimentos de culpa ou de vergonha; (10) Perda específica da intuição; (11) Incapacidade para seguir qualquer plano de vida; (12) Ameaças de suicídio raramente cumpridas; (13) Raciocínio pobre e incapacidade para aprender com a experiência; (14) Comportamento fantasioso e pouco recomendável com ou sem ingestão de bebidas alcoólicas; (15) Incapacidade para responder na generalidade das relações interpessoais; (16) Exibição de comportamentos anti-sociais sem escrúpulos aparentes. Para este autor a principal característica do psicopata é a deficiente resposta afetiva face aos outros, o que explicaria a forte relação com condutas anti-sociais.

 Existem outros perfis, mas achei que esse aborda de forma mais completa. Podemos perceber que no 1 traço diz “boa inteligência”, dizem que quem ouve música clássica tem um Q.I mais alto, um nível intelectual elevado e etc.. Não sei porque eu escuto, não sei quase nada. kkkk Mas, acho uma música completa, como se expandisse o cérebro, os sentidos, uma sensação de transcendência. Mas, pra não ficar na achiologia fui pesquisar também. O  psicólogo canadense Glenn Schellenberg  fez uma pesquisa com 144 crianças durante meses tiveram aulas de piano ou de canto e de teatro ou não tiveram nenhum estímulo extra-escolar. E ele percebeu que inicialmente os alunos que produziam música conseguiam uma vantagem intelectual, porém, depois de oito meses, a vantagem reduziu ou se igualou as crianças que estavam tendo aula de teatro e tiveram uma melhora substancial na capacidade social. Outros estudos já dizem que esse benefício intelectual é temporário. Que só ocorre quando o cérebro é estimulado, ou seja, a pessoa é beneficiada quando está ouvindo música clássica. Outros dizem que se a pessoa for estimulada desde a gestação ela terá benefícios até a vida adulta.

Enfim, o que percebi é que não tem uma ligação direta entre a música clássica ser um sintoma do Psicopata ou até mesmo estimular a ação desse sujeito, e no perfil traçado de número 13 diz que o Raciocínio é pobre. É uma mistura de muitos sintomas e também ocorrem variações do tipo de psicopata. No caso, para esse Psicopata ter inteligência musical ele deve ser exposto ainda na infância. O período do neurodesenvolvimento mais sensível para o desenvolvimento de habilidades musicais se dá nos primeiros 8 anos de vida. Esse contato precoce com a música pode facilitar a emergência de talentos ocultos, contribuir para a construção de um cérebro biologicamente mais conectado, fluido, emocionalmente competente e criativo.

Não estou deixando nada concluído pois pesquisando percebi que ainda tem muita coisa a ser estudada. Coloquei algumas tags abaixo para quem tiver interesse em saber mais sobre o tema. E também vou por uma playlist do Spotify.

 

Referência

Cleckley, H. (1941/1976). The mask of sanity (5th ed.). St. Louis: Mosby

SOEIRO, Cristina; GONCALVES, Rui Abrunhosa. O estado de arte do conceito de psicopatia. Aná. Psicológica,  Lisboa ,  v. 28, n. 1, p. 227-240,  jan.  2010 .   Disponível em <http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-82312010000100016&lng=pt&nrm=iso&gt;. acessos em  28  jan.  2017.

http://www2.uol.com.br/vivermente/artigos/nem_so_de_mozart_depende_nossa_inteligencia.html

http://hypescience.com/o-cerebro-prefere-musica-classica/

https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/28939/mod_resource/content/1/AMUSICANAESCOLA.pdf#page=122

Qual a diferença do psicopata, serial killer e sociopata?

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s